quinta-feira, 27 de junho de 2013

10 maneiras para vender a casa

O mercado imobiliário português tem vindo a registar uma descida contínua e são cada vez mais as casas entregues à banca. De maneira a combater esta realidade, as mediadoras começam a apostar em “promoções”, através do lançamento de novos pacotes de serviços. No entanto a promoção e qualificação das casas não compete unicamente às agências imobiliárias, os próprios donos do imóvel podem realizar melhorias que facilitem a venda deste.

1. A luminosidade da casa é muito importante no primeiro impacto. As divisões da casa devem estar pintadas com cores neutras e não cores berrantes que poderão causar confusão no comprador. A utilização de cores neutras permite uma melhor iluminação, fazendo transparecer uma maior sensação de limpeza e faz, ainda, com que os espaços pareçam maiores. As cores fortes acabam também por ser importantes, mas neste caso estas devem ser aplicadas em itens de decoração que contrastem com a cor das paredes, de maneira a criarem um efeito positivo.

2. Os armários devem ser organizados, para demonstrar a quantidade de espaço de arrumação que a casa tem.

3. Toda a mobília que tiver a mais deve ser retirada, para as divisões parecerem mais espaçosas.

4. A casa deve ser toda bem limpa, incluindo os odores próprios de uma vivência diária, como por exemplo o cheiro do tabaco, de comida ou mesmo o cheiro característico de uma casa desabitada. De maneira a lutar contra estes e outros odores, deixe as janelas abertas para circular o ar. No dia em que receber possíveis interessados acenda um incenso ou uma vela perfumada para tornar a casa mais agradável e atrativa.

5. A casa não deve estar personalizada, visto que as suas preferências podem afastar as pessoas que não partilhem dos mesmos gostos. Assim, se o imóvel estiver descaracterizado este terá mais hipóteses de agradar aos compradores. Molduras com fotografia, troféus, brinquedos e outros objetos devem ser retirados.

6. As janelas e as persianas devem estar abertas para revelar a luz que beneficie a casa e destaque outros aspetos que a valorizem (jardim, vista, localização, acessos, serviços).

7. A internet é, atualmente, um dos meios mais importantes para a divulgação de imóveis, por isso quando tirar fotos deve optar pelos ângulos diagonais, que ampliam a sensação de espaço das divisões.

8. Por vezes é necessária uma remodelação, tendo em atenção que os custos não deverão ultrapassar 1,5% do valor da venda. Também é necessário ter um certo cuidado com os fios à mostra, tinta a descascar, bem como, portas e persianas que não fechem.

9. É importante atualizar os eletrodomésticos e os armários da cozinha, de maneira a darem um ar moderno e de qualidade a esta divisão.

10. Em caso de terem existido alterações ao formato original da casa, como por exemplo a transformação de um quarto em escritório, essas alterações devem ser corrigidas e o imóvel deve voltar ao seu formato original, visto que o comprador está interessado na casa como foi inicialmente concebida.
"Muitas vezes são estes pequenos pormenores que podem fazer a diferença entre vender ou não vender o imóvel"

fonte casa sapo

Sem comentários:

Enviar um comentário